Central de Notícias

Vereador Pingo solicita medidas de apoio às mulheres vítimas de violência doméstica

As medidas buscam não apenas oferecer suporte imediato às mulheres em situação de violência doméstica, mas também promover sua independência financeira.

19 de Fevereiro - Um requerimento de autoria do vereador Pingo foi apresentado à Prefeitura de Cajamar e tem como objetivo solicitar informações sobre medidas de apoio às mulheres cajamarenses vítimas de violência doméstica, especialmente aquelas atendidas pela Casa de Acolhimento da Mulher de Cajamar.

O Vereador Pingo, busca esclarecimentos sobre três pontos importantes para garantir o suporte necessário a essas mulheres em situação de vulnerabilidade:

Encaminhamento ao mercado de trabalho: Uma das propostas é a possibilidade de as mulheres vítimas de violência doméstica, atendidas pela Casa de Acolhimento da Mulher de Cajamar, serem encaminhadas e atendidas com prioridade pelo PAT (Posto de Atendimento ao Trabalhador), visando uma inserção rápida e efetiva no mercado de trabalho.

Prioridade em vagas de creches e escolas: Outra medida sugerida é que os filhos dessas mulheres tenham prioridade em vagas de creches e escolas municipais. Isso visa não apenas garantir o acesso à educação das crianças, mas também proporcionar um ambiente seguro e acolhedor enquanto suas mães se recuperam e buscam reconstruir suas vidas.

Viabilização de auxílio-aluguel: O requerimento também aborda a necessidade de viabilizar auxílio-aluguel para essas mulheres, possibilitando que elas tenham acesso a moradias seguras e livres de violência, caso optem por deixar o ambiente doméstico onde ocorreram as agressões.

Essas medidas buscam não apenas oferecer suporte imediato às mulheres em situação de violência doméstica, mas também promover sua independência financeira, proteger seus filhos e garantir sua segurança e bem-estar a longo prazo.

Leia Também

A proposta do vereador Pingo visa atender às necessidades da comunidade, garantindo o acesso facilitado a serviços de saúde essenciais e de qualidade.

A iniciativa visa atender às demandas da comunidade local e fortalecer as ações de proteção aos moradores dessas regiões.